Exames laboratoriais na Saúde Livre têm resultados em até 30 minutos

19/05/2022 Saúde Saúde Livre Vacinas

A Saúde Livre aumentou os serviços disponívei nas clínicas, e agora oferece exames laboratoriais que podem ser feitos na hora. Os testes são realizados de forma rápida e segura, e os resultados ficam prontos em até 30 minutos.

A novidade é fruto de uma parceria com a empresa de tecnologia em saúde Hilab. Para a realização do exame, é necessário apenas algumas gotas de sangue da ponta do dedo. 

Assim, em poucos minutos, o paciente recebe o laudo assinado por profissionais da saúde do laboratório pronto para levar ao médico. Ele fica disponível por via impressa e por celular. 

Os equipamentos utilizados são modernos e seguem todos os protocolos de biossegurança. Dessa forma, é garantida maior confiabilidade na segurança do paciente e no resultado do exame. 

Como são realizados os exames laboratoriais da HILAB

O exames laboratoriais feitos na Saúde Livre são simples e rápidos. Em primeiro lugar, é realizado um pequeno furo na ponta do dedo, e através da coleta de uma gota de sangue, o dispositivo da Hilab faz a leitura do exame. Em seguida, os dados são enviados para uma equipe especializada, que faz a análise e envia o resultado para o seu celular.

Além disso, as informações são apresentadas de maneira simples e acessiva, que facilita o entendimento do resultado.

Mão com luva cirúrgica à direita segura pipeta transparente, retirando uma gota de sangue da ponta do dedo indicador de mão que aparece à esquerda.

Veja quais exames estão disponíveis:

Anticorpo Hepatite B (Anti HBSAG)

  • Indicações:
    • Adultos, bem como adolescentes e crianças que tomaram a vacina da Hepatite B e querem verificar se estão imunes.
  • Contraindicações: Não há restrição para realização desse exame.
  • Jejum: Não é necessário estar em jejum.
  • Tempo total de liberação do laudo: 25 minutos.

Hepatite B (HBSAG)

  • Indicações:
    • Pessoas que passaram por operação em locais que não obedecem às normas de biossegurança, como por exemplo dentista, manicure ou pedicure.
    • Gestantes;
    • Pessoas com vida sexual ativa.
  • Contraindicações: Menores de 14 anos não poderão realizar o exame. No entanto, pessoas entre 14 e 17 anos precisam apenas informar nome e contato do responsável legal.
  • Jejum: Não é necessário estar em jejum.
  • Tempo total de liberação do laudo: 25 minutos.

Hepatite C (HCV)

  • Indicações:
    • Pessoas com HIV;
    • Indivíduos sexualmente ativos prestes a iniciar Profilaxia Pré-Exposição (PrEP) ao HIV (a indicação de testagem seguirá o protocolo de PrEP);
    • Pessoas com mais de um parceiro sexuai ou com mais de uma infecção sexualmente transmissível;
    • Trabalhadores do sexo;
    • Pessoas em situação de rua;
    • Pessoas com idade igual ou superior a 40 anos;
    • Pacientes ou profissionais de saúde que tenham frequentado ambientes de hemodiálise em qualquer época;
    • Diabéticos.
  • Contraindicações: Menores de 14 anos não poderão realizar o exame. No entanto, pessoas entre 14 e 17 anos precisam apenas informar nome e contato do responsável legal.
  • Jejum: Não é necessário estar em jejum.
  • Tempo total de liberação do laudo: 20 minutos.

Dengue IGG e IGM

Os anticorpos IgM estão presentes e detectáveis no primeiro contato com o vírus da dengue, a partir do quinto dia após a infecção. Por outro lado, os anticorpos IgG indicam infecção passada, vacinação prévia ou contato secundário.

Dengue pela primeira vez?

Primeiramente, depois do início dos sintomas, entre o 2º e 10º dia será possível detectar anticorpos IgM. Em segundo lugar, do 5º ao 10º dia será possível detectar anticorpos IgG.

Dengue pela segunda vez?

Depois do início dos sintomas, entre o 1º e 10º dia será possível detectar anticorpos IgG, enquanto que os anticorpos IgM podem não ser produzidos ou estarem presentes em pequenas quantidades.

  • Indicações:
    • Pessoas com suspeita de infecção pelo vírus da dengue a partir do 5º dia do início dos sintomas;
    • Pessoas que querem tomar a vacina da dengue.
  • Contraindicações: Pessoas que estão com sintomas há menos de 5 dias. Neste caso, recomendamos o exame de dengue NS1, que identifica o antígeno do vírus.
  • Jejum: Não é necessário estar em jejum.
  • Tempo total de liberação do laudo: 20 minutos.

Importante: Outras arboviroses podem interferir no resultado do teste, principalmente a Zika. Por isso, considere a janela imunológica e também a data de início dos sintomas.

Dengue NS1

  • Indicações:
    • Pessoas com suspeita de infecção vírus da dengue ainda na fase inicial da doença, do primeiro ao quinto dia após o início dos sintomas.
  • Contraindicações: Pessoas que estão com os sintomas da dengue há mais de seis dias. Neste caso, recomendamos a realização do exame de dengue IgM e IgG.
  • Jejum: Não é necessário estar em jejum.
  • Tempo total de liberação do laudo: 20 minutos.

Influenza A e B

  • Indicações:
    • Indicado para pessoas com sintomas gripais. Idosos, gestantes e crianças menores de 5 anos possuem um maior risco de desenvolver complicações da Influenza.
  • Contraindicações: Não há restrição para realização desse exame.
  • Jejum: Não é necessário estar em jejum.
  • Tempo total de liberação do laudo: 20 minutos.

Covid 19 IgG/IgM

O exame detecta os anticorpos produzidos pelo organismo para combater o coronavírus 12 dias após a exposição.

  • Indicações:
    • Indicado a partir do 7º dia do início dos sintomas. A maior sensibilidade ao teste é 30 dias após exposição/contato ou 21 dias após o início dos sintomas.
  • Contraindicações: Não há restrição para realização desse exame.
  • Jejum: Não é necessário estar em jejum.
  • Tempo total de liberação do laudo: 25 minutos.

Importante: O teste sorológico da Hilab é capaz de diferenciar os anticorpos IgM e IgG. Por este motivo, oferece uma resposta mais precisa do período da infecção e sinaliza a evolução da doença.

O laudo pode ser emitido também em inglês e espanhol.

Covid-19 Ag

Rápida detecção do vírus do 5º ao 12º dia após a exposição ou do 1º ao 7º dia após o início dos sintomas.

Ideal para o período de transmissibilidade. O teste de antígeno possui alta correlação com o período de transmissibilidade da infecção viral, ou seja, é ideal para identificar quem está transmitindo o vírus para outras pessoas.

  • Indicações:
    • A partir do 5º ao 12º dia após a exposição ou do 1º ao 7º dia após o início dos sintomas.
  • Contraindicações: Não há restrição para realização desse exame.
  • Jejum: Não é necessário estar em jejum.
  • Tempo total de liberação do laudo: 25 minutos.

O laudo pode ser emitido também em inglês e espanhol.

Covid-19 PCR-Lamp

Como o PCR-LAMP detecta o vírus antes mesmo de surgirem sintomas ou transmitir a doença, ganha-se agilidade para obtenção do resultado.

  • Indicações:
    • Para quem está sem sintomas e precisa de testagem rápida.
  • Contraindicações: Não há restrição para realização desse exame.
  • Jejum: Não é necessário estar em jejum.
  • Tempo total de liberação do laudo: 1 hora.

Gravidez (Beta HCG)

  • Indicações:
    • Auxiliar na detecção de gravidez.
  • Contraindicações: Não é indicado para mulheres grávidas que desejam avaliar a concentração de Beta hCG, bem como em caso de suspeita de aborto e menores de 14 anos.
  • Jejum: Não é necessário estar em jejum.
  • Tempo total de liberação do laudo: 15 minutos.

Colesterol (Perfil Lipídico)

  • Indicações:
    • Pessoas entre 9 e 19 anos devem fazer o exame uma única vez para rastreamento da hipercolesterolemia familiar;
    • Acima de 20 anos devem realizar o exame a cada 3 a 5 anos para avaliar o risco cardiovascular;
    • Pessoas que possuem algum fator de risco cardiovascular, como diabetes, obesidade, hipotireoidismo, disfunções renais ou hepáticas.
  • Contraindicações: Não há restrição para realização desse exame.
  • Jejum: Necessário jejum de 8 a 12 horas.
  • Tempo total de liberação do laudo: 12 minutos.

Diabetes (Hemoglobina Glicada)

Este exame estima a média da glicemia nos últimos meses. Para avaliar a concentração de glicose no sangue no exato momento da coleta, recomendamos a realização do Teste Laboratorial Hilab de Glicemia.

O rastreamento sem sintomas deve ser feito caso a pessoa tenha um ou mais fatores de risco, como idade igual ou superior a 45 anos, sobrepeso, histórico familiar, doenças cardiovasculares, hipertensão arterial, colesterol alto e sedentarismo.

  • Indicações:
    • Pessoas que desejam fazer o diagnóstico;
    • Diabéticos e pré-diabéticos que querem avaliar o perfil de glicemia dos últimos 2 a 4 meses;
    • Pessoas com diabetes gestacional.
  • Contraindicações: Não há restrição para realização desse exame.
  • Jejum: Não é necessário estar em jejum.
  • Tempo total de liberação do laudo: 13 minutos.

Glicose (Glicemia)

  • Indicações:
    • Pessoas que desejam fazer o rastreamento do diabetes.
  • Contraindicações: Não há restrição para realização desse exame.
  • Jejum: É indicado estar em jejum de 8 a 12 horas, mas não obrigatório.
  • Tempo total de liberação do laudo: 11 minutos.

O exame avalia a concentração de glicose no exato momento da coleta. Para estimar a média da glicemia nos últimos meses, recomendamos o Teste Laboratorial Hilab de Hemoglobina Glicada.

O rastreamento sem sintomas deve ser feito caso a pessoa tenha um ou mais fatores de risco, como idade igual ou superior a 45 anos, sobrepeso, histórico familiar, doenças cardiovasculares, hipertensão arterial, colesterol alto e sedentarismo.

Função renal

  • Indicações:
    • Pessoas em grupo de risco para desenvolver a doença renal crônica: hipertensão arterial, diabetes mellitus ou história familiar para DRC.
  • Contraindicações: Não há restrição para realização desse exame.
  • Jejum: Não é necessário jejum.
  • Tempo total de liberação do laudo: 15 minutos.

HIV

  • Indicações:
    • Todos com vida sexual ativa;
    • Gestantes durante o pré-natal ou que ainda não tenham sido testados;
    • Populações em situação de vulnerabilidade, como profissionais do sexo, usuários de drogas, população privada de liberdade, parceiros de pessoas vivendo com HIV/AIDS;
    • Acidentes biológicos ocupacionais;
    • Abortamento espontâneo, independentemente da idade gestacional;
    • Pessoas em situação de violência sexual, para fins de profilaxia da infecção pelo HIV;
    • Pacientes com diagnóstico de tuberculose;
    • Pacientes com diagnóstico de hepatites virais.
  • Contraindicações: Menores de 14 anos não poderão realizar o exame. No entanto, pessoas entre 14 e 17 anos precisam apenas informar nome e contato do responsável legal.
  • Jejum: Não é necessário estar em jejum.
  • Tempo total de liberação do laudo: 25 minutos.

Sífilis

  • Indicações:
    • Todas as pessoas com vida sexual ativa;
    • Gestantes;
    • Pessoas que desejam ter filhos;
    • Profissionais de saúde.
  • Contraindicações: O exame de Sífilis Hilab é treponêmico e por isso não é indicado para pessoas que já tiveram a infecção em algum momento da vida. Menores de 14 anos não poderão realizar o exame. No entanto, pessoas entre 14 e 17 anos precisam apenas informar nome e contato do responsável legal.
  • Jejum: Não é necessário estar em jejum.
  • Tempo total de liberação do laudo: 15 minutos.

Hipotireoidismo (TSH)

  • Indicações:
    • Pessoas com suspeita de hipotireoidismo (presença de bócio, desânimo, desaceleração dos batimentos cardíacos, intestino preso, sonolência excessiva, dores musculares, colesterol alto, queda de cabelo, pele seca, entre outros);
    • Mulheres acima de 35 anos;
    • Pessoas com diabetes mellitus;
    • História familiar de doença a tireoide;
    • Excesso na produção do hormônio prolactina;
    • Pessoas com níveis de colesterol alterados.
  • Contraindicações: Gestantes, menores de 12 anos, pessoas com hipotireoidismo secundário e pessoas que querem monitorar o tratamento do hipotireoidismo.
  • Jejum: Não é necessário jejum.
  • Tempo total de liberação do laudo: 20 minutos.

Importante: Alguns medicamentos como lítio, amiodarona e interferon alfa alteram a função da tireóide. O responsável pelo exame deve ser informado caso use esses remédios.

Vitamina D

  • Indicações:  O grupo de risco para vitamina D inclui:
    • Idosos – acima de 60 anos;
    • Indivíduos com fraturas ou quedas recorrentes;
    • Gestantes e lactantes;
    • Osteoporose (primária e secundária);
    • Doenças osteometabólicas, tais como raquitismo, osteomalácia, hiperparatireoidismo;
    • Doença Renal Crônica;
    • Síndromes de má-absorção, como após cirurgia bariátrica, doença inflamatória intestinal, doença celíaca;
    • Medicações que possam interferir no metabolismo da vitamina D, tais como: glicocorticóides e anticonvulsivantes; antifúngicos, colestiramina, orlistat;
    • Neoplasias Malignas;
    • Sarcopenia;
    • Diabetes;
    • Indivíduos que não se expõem ao sol ou que tenham contraindicação à exposição solar;
    • Obesidade.
    • Indivíduos com pele escura.
  • Contraindicações: Não há contraindicação para realização desse exame.
  • Jejum: Não é necessário jejum.
  • Tempo total de liberação do laudo: 25 minutos.

Zika

  • Indicações:
    • Pessoas com sintomas de Zika ou que possivelmente foram expostas ao vírus;
    • Gestantes com ou sem sintomas que possivelmente foram expostas ao vírus;
    • Pessoas que vão se submeter a procedimentos de fertilização in vitro ou se disponibilizaram a doar material biológico em bancos de células e tecidos.
  • Contraindicações: Pessoas que estão com sintomas há menos de 3 dias.
  • Jejum: Não é necessário jejum.
  • Tempo total de liberação do laudo: 25 minutos.

Importante: Outras arboviroses podem interferir no resultado do teste, principalmente a dengue. Considere a janela imunológica, assim como a data de início dos sintomas.

Por fim, é importante ressaltar que todo exame deve ser avaliado pelo médico. Sempre que houver alguma dúvida, pode ser considerada a recoleta para confirmação do resultado.

Nesse sentido, todo e qualquer resultado de exame laboratorial deve ser avaliado juntamente com a avaliação física realizada pelo médico e o histórico de saúde do paciente. 

Por fim, cuide de si, mantenha seus exames e vacinas em dia, e tenha uma vida mais saudável.

Posts relacionados

É ‘só’ uma gripe? Conheça os verdadeiros riscos da influenza

A influenza atinge cerca de 1 bilhão de pessoas no mundo todos os anos, com 5 milhões de casos graves e até 650 mil […]

Saúde Livre Vacinas, 23 de maio de 2024
Vítimas e socorristas do Rio Grande do Sul recebem orientações.

Rio Grande do Sul: as vacinas recomendadas para vítimas e socorristas

A Sociedade Brasileira de Imunizações (SBIm), a Sociedade Brasileira de Infectologia (SBI) e a Sociedade Gaúcha de Infectologia (SGI) divulgaram nesta semana uma nota […]

Saúde Livre Vacinas, 17 de maio de 2024

Chuvas: como cuidar da saúde em situações de emergência?

Fortes chuvas têm afetado o Rio Grande do Sul nas últimas semanas, provocando enxurradas, enchentes, inundações, deslizamentos e desmoronamentos. Segundo a Defesa Civil do […]

Saúde Livre Vacinas, 09 de maio de 2024